sábado, 2 de maio de 2009

Relação entre estilo de vida e Alergia



Um estudo feito em 2008 sobre a ascensão da alergia na Índia, melhora a compreensão de pesquisadores quanto às causas do aumento da prevalência da alergia no mundo moderno.

Há muito tempo suspeita-se que a relação ambiente/estilo de vida moderna são de certa forma, responsáveis pela ascensão das reações de alergia no mundo ocidental.

Nas cidades indianas, Mysore (segunda maior cidade do estado de Karnataka) e Bangalore (estado de Karnataka) as classes médias emergentes estão crescendo rapidamente e seus membros estão cada vez mais ocidentalizados. Vivem ao lado das comunidades rurais e urbanas mais pobres que ainda mantêm um estilo de vida mais tradicional.

Os pesquisadores descobriram que a incidência de asma alérgica está diretamente ligada à ascensão social da classe média, ou seja, quanto mais o estilo de vida se aproxima do ocidental, maior o número de indivíduos com asma alérgica.

O líder do projeto, o Dr. Maheh Rao, diz que as investigações indicam uma ascensão de 50% na asma alérgica em relação aos últimos 5 anos. Entretanto, as comunidades tradicionais são menos afetadas. Este fato poderia ser utilizado como teste padrão para outras partes do mundo onde ocorreu uma mudança no estilo de vida, ou seja, uma ocidentalização.

A velocidade e a escala do desenvolvimento nestas duas cidades do sul da Índia, e a proximidade entre grupos sociais diferentes, foi crucial para a observação do impacto do estilo de vida moderno na alergia. Este estudo analisou e comparou fatores que incluem dieta, atividade física, higiene, o contato com animais domésticos, em 20.000 lares no sul da Índia.

Segundo Dr. Rao, “A principal hipótese que estamos levantando é que o estilo de vida moderno está relacionado com a ascensão da asma alérgica. Nas comunidades tradicionais, as crianças são expostas às bactérias e aos animais, quando já estão mais velhas, alimento é saudável e atividade física é abundante. Além de não terem acesso às comidas rápidas (fast foods), perfumes, sabões e os produtos químicos que nós suspeitamos, podem ser fatores no crescimento da asma alérgica.”
Este estudo também revela a alarmante carga econômica e social da asma alérgica em um país como a Índia.

Um comentário:

Profª Sandra Bose disse...

Ola Bia, eu nao sabia que vc tinha um log e que este era dedicado a alergia!
Fiz tratamento para alergia (a base de cortisona)anos atras, quando tinha que tomar doses minusculas de injecao e funconou MUITO, pois ate hj a alergia se foi e nao mais voltou.
Vou colocar o seu link na minha secao de Respostas do Indiagestao de hj.
Bjs e Om Shanti